(11) 4524-2298
Diamante negro de origem 'extraterrestre' é leiloado por R$ 22 milhões

O maior diamante negro lapidado do mundo, batizado de "O Enigma", foi leilado em Londres na quarta-feira (9) por R$ 22,3 milhões, com criptomoedas. Especialistas acreditam que a pedra — do tamanho de uma bola de tênis — tenha sida formada na colisão de meteoritos com a Terra. Discussões sobre a origem extraterrestre do artefato surgem porque os diamantes carbonados, como o "O Enigma", costumam ser encontrados apenas na superfície do planeta, não em seu subsolo, como é o caso de outros minerais.

Outra pista da origem fora da Terra é a presença de osbornita, mineral encontrado em meteoritos. De acordo com Sophie Stevens, especialista em joias da casa de leilões Sotheby's, o raro diamante de carbono deve ter sido formado por um impacto de meteorito há mais de 2,6 bilhões de anos. O primeiro dono do diamante, que prefiriu se manter anônimo, optou por não exibi-lo durante 20 anos.

Com 555,55 quilates e 55 faces, a pedra é difícil de lapidar devido à sua resistência, uma vez que é composta por inúmeros pequenos diamantes, grafite e carbono. Seu formato foi inspirado no símbolo de poder e proteção do Oriente Médio, o Jamsa — famosa forma mão com com cinco dedos estendidos que tambem está ligada ao número cinco.

Fonte: G1 e Pixabay


Entre em contato conosco!
Iremos tirar todas as suas dúvidas.